Você está aqui
Início > CMS > Como desenvolver um site num CMS

Como desenvolver um site num CMS

código binário

Hoje vamos dar seguimento aos temas dedicados ao desenvolvimento de sites nos CMS. Para quem não sabe o que é um CMS aconselho a leitura do artigo O que é um CMS e para que serve e do artigo O que é preciso para ter um CMS.

Quando queremos desenvolver um site numa plataforma de CMS o mais certo é demorar uns dias, semanas ou meses para que o trabalho fique completo. Se pensa em desenvolver o trabalho diretamente no local de alojamento final, então desaconselho vivamente essa solução. Porquê? Porque você estará a expor o seu trabalho inacabado para o mundo inteiro, com todas as falhas e partes inacabadas ou incompletas do site. Isso deixará o seu público descontente e poderá afastá-los de futuras visitas ao seu site.

Assim, o que é mais comum é ter um ambiente para desenvolver o nosso site (chamado de ambiente de desenvolvimento) e um outro para colocar o trabalho final (chamado de ambiente de produção).

O que é então o ambiente de desenvolvimento?
Tipicamente é ter um computador (normalmente o nosso) onde será instalado um conjunto de software que permite ter um ambiente e um conjunto de ferramentas semelhante ao ambiente final onde a aplicação irá correr.

O que é o ambiente de produção?
É a versão final que foi desenvolvida e copiada/movida para o alojamento onde todos os utilizadores podem começar a utilizá-la.

Como configurar um ambiente de desenvolvimento de um CMS?
Centrando a atenção em CMS de linguagem PHP, como o Joomla, WordPress ou Opencart, poderá ter o seu ambiente de desenvolvimento instalado e configurado na sua máquina muito facilmente.

Necessita essencialmente de quatro coisas:

  1. Servidor Web Apache
  2. Servidor de Base de Dados, normalmente MySQL
  3. Linguagem PHP
  4. Plataforma de CMS, por exemplo, Joomla, WordPress ou Opencart

 

Nos primórdios era necessário descarregar todos estes softwares em separado, instalar e configurar. E nem sempre o resultado era o esperado, havendo conflitos que impossibilitavam o correto funcionamento entre estes programas, como também nem sempre estavam disponíveis para alguns sistemas operativos.

No entanto, há alguns anos atrás começaram a aparecer algumas soluções que integravam o Apache, o MySQL e o PHP e outras linguagens de script, tornando a instalação e configuração bastante simples e rápida.

Então e que soluções são essas?

  1. Xampp – distribuição do Apache, MySQL, PHP e Perl. Pode ser instalado em sistemas Linux, Windows, MacOS e Solaris. Gratuito.
  2. WampServer – distribuição do Apache, MySQL e PHP para Windows. Gratuito.
  3. Mamp – distribuição do Apache, MySQL e PHP para Mac OS X. Versão normal gratuita e versão pro paga.

 

Eu tenho um MAC com o meu ambiente de desenvolvimento baseado no Mamp (versão normal gratuita) e estou bastante satisfeito. Apenas necessitei de configurar a pasta onde iriam estar os meus sites.

A partir daí, é só fazer o download do CMS preferido e começar a desenvolver o seu trabalho. Nos próximos artigos mostraremos como.

Miguel Real

Miguel Real, português, criador do blogue Ajuda em Informática, com formação específica em informática, entusiasta de novas tecnologias e por partilha de conhecimento.

Deixar uma resposta

Top
%d bloggers like this: